20 Outubro, 2019

Livros serão "esquecidos" de propósito para incentivar leitura em Serra Negra

Projeto “Leia Mais Serra Negra” deixará exemplares em locais públicos. Morador pode levar para ler em casa.

Um projeto de incentivo a leitura será lançado no próximo dia 22 de setembro, vésperas do aniversário de 191 anos da cidade de Serra Negra – SP. Terá como palco a Praça Pref. João Zelante, a partir das 11h da manhã do domingo. A ação contará com cerca de 800 exemplares de diferentes gêneros a serem gratuitamente distribuídos, além de oficinas de arte e “contação” de estórias.

Criado no início desse ano por um grupo de leitores da cidade, denominado “Coletivo da Montanha”, o projeto recebe o nome de “Leia Mais Serra Negra”. Chama a atenção pela maneira inusitada de sua ação. Ele consiste em espalhar livros pelos mais diversos pontos da cidade, tais como, bancos de praças públicas, pontos de ônibus, escadarias, canteiros, rodoviária, estabelecimentos comerciais, como se eles estivessem sido “esquecidos”. A ideia é justamente que alguém os encontre e comece a ler. Inicialmente estarão espalhados em caixas de madeira identificadas com o adesivo “Leia Mais Serra Negra” em alguns estabelecimentos comercias nos bairros mais distantes e centrais.

Os livros serão etiquetados com o alerta de que foi intencionalmente esquecido onde se lê: “Este é um livro livre. Ele pertence a todos. Fique com ele o tempo necessário. Depois, passe adiante”. O exemplar também recebe um carimbo do projeto numa folha interna.

A ideia é que a pessoa possa ler e depois devolver o exemplar no ponto que achou ou ainda em outro local público para que outras pessoas possam ter a oportunidade de lê-lo. Ainda é sugerido para quem encontrou o livro, acessar as redes sociais com o endereço gravado neste adesivo, onde lá possa escrever seus comentários sobre a leitura e sobre o a ideia do projeto.

“A ideia do projeto surgiu de uma integrante do grupo que trabalha num galpão de reciclagem sediado no município. Ela juntou 300 exemplares e, não tendo coragem de picotá-los, uma vez que eram livros diversos, de literatura infantil, juvenil, romance, policial, aventura, receitas, poesia, grandes enciclopédias e até coleções completas, como a de Monteiro Lobato, o projeto foi vestindo seu formato com o objetivo de estimular a leitura do livro, a troca de exemplares e a doação em Serra Negra”, disse Patrícia Amoroso, uma das integrantes do grupo. 

Caso queiram fazer parte desse projeto, ajudando na arrecadação, na divulgação, na colagem dos adesivos, na distribuição dos livros “esquecidos” ou somente fazer doação de livros e revistas, bem como ter o seu estabelecimento como partícipe do “Leia Mais Serra Negra”, deverão entrar em contato pelas redes sociais.

Visite a página no facebook @LeiaMaisSerraNegra, faça a sua doação e participe do projeto Leia Mais Serra Negra!

Publicado às 12h25

Receba notícias pelo celular clicando em www.circuitodenoticias.com.br/whatsapp e nos dê um oi para o cadastro