Confira o artigo de João da Luz sobre o aniversário de São Paulo

No dia 25 de janeiro é o aniversário de São Paulo. Já se passaram 464 anos da fundação desta verdadeira megalópole. É a maior cidade do Brasil, do continente americano e uma das mais populosas do mundo, ocupando neste quesito lugar entre as 10 maiores. A exemplo de alguns países há no Brasil duas capitais que levam o nome de seu Estado. É o caso do Estado de São Paulo que tem como capital São Paulo; Rio de Janeiro, capital Rio de Janeiro; no Canadá, a Província do Quebec tem como capital a cidade de Quebec; e alguns países que tem sua capital com o mesmo nome como, por exemplo, o México, cuja capital é Cidade do México, capital esta que é a mais antiga das Américas. O nome São Paulo, foi dado em homenagem ao Apóstolo Paulo, que de acordo com a tradição católica, teria se convertido ao cristianismo no dia 25 de janeiro.

São Paulo nasceu com a chegada de uma missão de Jesuítas da Companhia de Jesus. Sua fundação ocorreu em 25 de Janeiro de 1554 e é atribuída ao padre José de Anchieta. Com o passar do tempo, o pequeno povoado passou a viver como entreposto comercial e atividades afins com destaque para exploração da agricultura. Assim permaneceu até atingir um crescimento demográfico e econômico vindo especialmente do ciclo do café e da industrialização por volta da metade do século XIX, e continuou com o advento de indústrias de todos os segmentos de mercado notadamente as usinas de aço, metalurgia, têxteis, Olarias, veículos automotores etc., o que elevou São Paulo, já à época, ao posto de maior cidade do Brasil. Hoje, chamada de Locomotiva do Brasil, seu brasão traz a frase que representa bem que cidade é São Paulo: “Non ducor, duco” Não sou conduzido, conduzo.

Hoje, São Paulo é o maior centro de negócios do Brasil por onde passam anualmente centenas de milhares de executivos de todo mundo que vêm em busca de oportunidades comerciais, trazendo investimento nas mais diversas áreas de tecnologia. Congressos, reuniões e encontros de homens de negócios de alto nível ao redor do mundo fazem presença marcante durante todo ano. Para complementar, é a única cidade que tem um bairro, o Ipiranga, que é citado no Hino Nacional Brasileiro.

A cidade possui centenas de pontos de interesses turísticos: Autódromo de Interlagos, MASP Museu de Arte Moderna, Avenidas Paulista e Iguatemi, Biblioteca Mário de Andrade, Estádios de futebol dos principais Clubes de São Paulo (Palmeiras, São Paulo, Corinthians e o Bucólico e tradicional Estádio Paulo Machado de Carvalho Pacaembu), Sambódromo, Palácio de Convenções do Anhembi, São Paulo Expo, Pico do Jaraguá, Estátua de Borba Gato, Catedral da Sé, Mercado Municipal da Cantareira, Horto Florestal, Teatro Municipal, Edifício Martinelli, Museu do Ipiranga, Parque da Independência, Parque da Água Branca, Monumento às Bandeiras, Pinacoteca, Museu da Imigração do Estado de São Paulo, Monumento à Independência, Monumento das Ondas, Museu de Arte Sacra, Pátio do Colégio, Museu da Língua Portuguesa, Edifício Altino Arantes, Palácio das Indústrias, Estação da Luz, Fundação Maria Luisa e Oscar Americano. Estes pontos representam uma pequena parte que o visitante que vem a São Paulo pode optar, ver e sentir a pujança da cidade que foi chamada outrora de “Terra da Garoa”. A garoa se dava por ocasião de chuvas com partículas finas de água, mas o crescimento das áreas urbanas fez modificações no clima e hoje raramente a garoa se faz presente São Paulo.

Boa Viagem

João Aparecido da Luz

Advogado, escritor, cronista de viagens

 

Membro da UBE União Brasileira de Escritores – Morador mais viajado do Ipiranga

Publicado em 23/1/17, às 23h21