11 Dezembro, 2018

O Gabinete de Baldini tem apresentações para os dois próximos finais de semana

A Oficina O Ator Criador da Casa do Teatro, que tem direção de Alexandre Cruz apresenta a segunda parte da montagem de “Perfume: A história de um assassino”, nos dias  21,  22 ,  23,  28  e  30  de setembro. Sextas e domingo às 20h22 e sábado às 21h22. Excepcionalmente no  domingo  dia  30,  o  espetáculo  será  as  21h.

O espetáculo é a adaptação dos capítulos 14 ao 22, mostrando  as  peripécias  de Jean Baptiste Grenouille como   aprendiz do  oficio  de  perfumista com  seu  mestre  Giuseppe Baldini,  e de como seu  talento  excecional  de  Grenouille é  capaz  de   tirar  a   perfumaria  de  Baldini,  da  decadência  e  anonimato e  faze-lo  se  tornar a  perfumista  mais  famoso   da  Europa  no  séc.  XVIII.

Os ingressos tem o preço único de R$ 10,00. O espetáculo é recomendável a partir de 14 anos.

SOBRE A HISTÓRIA: 

Entre Paris e a Provença, na primeira metade do século XVIII, em tom de fábula , começa o Perfume, e nele, Patrick Süskind nos leva a percorrer a cidade de Paris e seu lugar mais fedorento, o cimitiére des Innocents, onde, a 17 de julho de 1738, nasce Jean Baptiste Grenouille. Rejeitado por todos, até pela mãe, desde a hora do nascimento, Grenouille vive encapsulado em si mesmo “como um carrapato” , e não é capaz de dar nada ao mundo : nem um sorriso, nem um grito, nem o seu próprio cheiro.

Dono de um dom extraordinário, uma prodigiosa capacidade de perceber e distinguir aromas, ele decide tornar –se o maior perfumista do mundo. Sua ambição no entanto não é enriquecer, nem, pretende a fama: persegue um sonho louco: dominar os corações dos homens criando um perfume capaz de suscitar o mais profundo amor em quem o cheirar. Assim, ele obteria o poder maior sobre as pessoas , conseguiria apoderar-se do mundo sem se ver obrigado a conquista-lo com amor.

Comparado a Ítalo Calvino, Proust, Garcia Márquez, Alejo Carpentier, Voltaire, Daniel Defoe, Marquês de Sade, Edgar Allan Poe, e ao festejado O Nome da Rosa de Umberto Eco, Patrick Süskind construiu um romance policial, nos anos 80, com páginas antológicas. Além disso, O Perfume é uma profunda reflexão sobre a estupidez humana, o absurdo de suas instituições e valores, tudo isso num estilo cético, debochado e refinado.

No elenco: Giovana Gabriel, Brás Domingues de Oliveira, Fabio MubarackRenato Vieira,  Douglas  Possidônio  e  Roberto  Nogueira . 

Maquiagem e Fotos: Kaique Oliveira 

Arte: Giovana Gabriel

Técnica:  Fernando  Ferro
Adaptação/ Figurinos/ Direção de Arte / Luz e Direção: Alexandre Cruz

Agradecimentos:  Cibele  Matheus.

Mais Informações: (19) 38081732

Publicado às 11h24

Receba notícias pelo celular clicando em www.circuitodenoticias.com.br/whatsapp e nos dê um oi para o cadastro.